O desafio da maternidade nos dias de hoje

Um dia escutei Deus me dizer o seguinte: “Tásia, a maternidade é um serviço prestado a humanidade. O seu útero foi criado para servir. Os filhos não são para a realização dos pais, apenas, mas primeiramente para a realização da vontade de Deus e para a glória de Deus. Sempre que solicitada você deve estar aberta à maternidade.” Essa voz me fez viver a feliz aventura de ser mãe 9 vezes.
Depois, muito depois, quando fui estudar a minha fé, aprendi que os sacramentos da nossa Igreja Católica eram classificados em três: os sacramentos de iniciação, os sacramentos de cura e os sacramentos de serviço. Fiquei surpreendida em descobrir que o Sacramento do Matrimônio é classificado como sacramento de serviço! E por consequência a maternidade não era apenas um sonho a ser realizado por uma mulher ou por um casal, a maternidade é um serviço prestado a Deus e à humanidade.
Hoje como é lamentável ver os casais se fechando à maternidade. Considerando- a como uma realização pessoal ou como um grande problema a ser evitado. E o resultado são casais que buscam suas realizações em tantos caminhos que não os conduzem à felicidade! Levam antes à tristeza, ao individualismo, à depressão, à solidão. Para aquelas que desejam viver o desafio da maternidade, apresento o conselho de quem encontrou muita felicidade na maternidade: deixe-se ser alcançada pelo Amor de Deus. Deixe-se ser alcançada pelo que ensina a sua Palavra! Deixe-se ser alcançada pelos sábios ensinamentos de uma respeitável instituição milenar, que é a Igreja Católica e faça a experiência de viver em plenitude a felicidade que traz a maternidade.
O desafio da maternidade nos dias de hoje não tem mistério! Conheça Jesus Cristo! Deixe-se ser amada por Ele! Renuncie ao que seja o contrário do que Ele lhe ensina na sua Palavra. Peça a Ele a força de seu Espírito Santo! E receba a plenitude da felicidade que só se alcança na medida em que nos entregamos para dar vida aos outros.
Um feliz e abençoado dia das mães para todas nós!