Vocacional 2019

“Penso, logo existo”, já diria a famosa frase de certo filósofo. Mas a verdade é que “Deus pensa, logo existo”. Não há nada mais triste para alguém do que viver na mediocridade do contentar-se com o nascer-crescer-reproduzir-morrer, encerrando sua existência no profundo desconhecimento de si mesmo. Não! O homem foi pensado, feito em alta dignidade, e portador de um sonho de Deus, de uma vocação.
Esta palavra pode parecer um tanto ameaçadora: Como assim? Alguém já definiu o que eu deveria ser? E o espaço da minha liberdade? O que vou ter que perder para realizar esta tal de “vocação”? Enganados estamos se assim são os nossos pensamentos. Vocação, na verdade, é a porção de amor capaz de realizar plenamente o homem, que o faz descobrir o seu próprio lugar no Amor; e viver uma vida não como parte de um rebanho que é conduzido com ensinamentos gerais (o que não tem nenhum mal, e leva para o único fim que buscamos, que é a comunhão com Deus), mas em uma relação única, cheia de sabor, e com uma profunda e pessoal experiência de Deus. Descobrir a própria vocação, o próprio chamado, o seu lugar único no Amor, é como descobrir que se havia até aquele momento sonhado em preto-e-branco porque ainda não se sabia que poderia sonhar colorido. Deus potencializa a nossa existência; e, como nos ensina o Papa emérito Bento XVI, “Quem deixa entrar Cristo na sua vida não perde nada, nada, absolutamente nada do que faz a vida livre, bela e grande.”
E que precisamos para ouvir o chamado de Deus? Tão somente escutar o próprio coração, que por Ele já anseia! E deixar-se conduzir para os encontros que Deus mesmo promove para nos fazer descobrir a nossa vocação. E este é o tempo oportuno da escuta!
Dia 26 de Janeiro, no auditório da Comunidade Católica Rainha da Paz, a partir das 16 horas, Alguém espera por você! Venha participar do Encontro Vocacional da Comunidade de Aliança, e entender mais desta forma específica e original de ser Igreja no tempo presente.

Deserto, tempo de decisão

Na busca do ser humano a Deus, ele experimenta muitas consolações. São momentos de graças onde vemos a Mão de Deus agir em nosso favor. Se o Senhor passa por nós, logo percebemos o Seu perfume e como a amada vamos ao Seu encontro e nos deleitamos em Sua presença amorosa (Cân 5,5). São as consolações sensíveis. Mas deve haver um cuidado da alma. Muitas se unem a Deus apenas por causa dessas consolações e não pela vontade de agradar a Deus. Enganam-se pensando que amarão mais a Deus encontrando mais e mais gosto nas consolações. Quando chega então o período onde Deus parece esconder-se e junto com Ele todas as consolações, tempo da busca e decisão, a alma tende a abandoná-lo.Chamamos de períodos de deserto ou aridez espiritual esses momentos onde se passa por profunda tristeza e desolação.
Nas noites escuras da alma, não temos vontade alguma de rezar, participar da Santa Missa, não conseguimos amar o outro, não sentimos mais nada e a impressão que temos é Deus nos abandonou e que a nossa fé acabou. Parece que o Céu sumiu!
E por que Deus permite que a alma atravesse tão terrível escuridão? Para que aprendamos a buscar mais o Deus das consolações do que as consolações de Deus.O que nos impede a verdadeira união com Deus é o apego às nossas inclinações desordenadas. Por isso, quando Jesus quer atrair uma alma ao Seu perfeito amor, procura desprendê-la de todos os apegos aos bens criados.Quando caminhamos às escuras, progredimos mais na fé e no amor a Deus. O Senhor nos quer fortes e para nos treinar na batalha o faz pela provação e pela aridez espiritual. É assim que Ele arranca as ervas daninhas do jardim das nossas almas.
É um defeito de nossa humanidade, procurar em tudo a própria satisfação. Não encontrando o prazer desejado, abandona logo a tarefa ou as reduz a cada dia, até finalmente abandonar tudo de vez! Esta desgraça acontece a muitas almas. Chamadas por Deus ao Seu amor começam a marchar no caminho da perfeição e avançam enquanto duram as consolações espirituais. Mas depois, quando elas acabam, abandonam tudo e voltam à vida antiga. É preciso persuadir-nos de que o amor de Deus e a perfeição não consistem em sentir consolações espirituais, mas em vencer o amor-próprio e fazer a vontade de Deus. É Jesus que chama a alma a caminhar com Ele no deserto, mesmo queimando os pés.
Em meio às trevas alguns sentem o coração como se fosse de gelo, não sentem mais amor a Jesus, perdem a piedade, se sentem condenados. Que desoladora confusão espiritual! Nessas horas a única saída é fechar os olhos e dar as mãos a Jesus para ser guiado por Ele na fé. “Deus é digno de nosso amor, tanto quando nos consola como quando nos faz sofrer”, já nos diz São Francisco de Sales.
A “noite escura da alma” pode durar um tempo indeterminado. Santa Teresa de Àvila a viveu por mais de 20 anos. Teresinha do Menino Jesus também passou por essa etapa espiritual e sustentou-a na certeza que o seu Sol (Cristo), por entre as nuvens, estava a brilhar.
O deserto tem sua importância. Um lugar de aparente escassez pode ser também um lugar de liberdade. “O povo que escapou da morte achou favor no deserto”. Mas como? Foram repetidas as vezes em que os hebreus se queixaram das dificuldades no caminho que percorreram no deserto do Sinai e quiseram retornar à escravidão egípcia, mesmo quando não fazia sentido voltar para a angústia do Egito. Porém, mesmo com a perda sentida no deserto, temos que entender que existe vida após a perda. A liberdade do deserto significa estar sujeito a abraçar a Deus sem garantias.O caminho da escravidão para a liberdade passa pelo deserto. E isso quer dizer que há um tempo de preparo e de reflexão na vida para que possamos entender os verdadeiros valores.
Atravessar o deserto não é fácil. É preciso, porém, que se acredite que há vida depois dele.No deserto, vive-se um tempo de descoberta, de mudança que envolve montar e levantar acampamento, armar e desarmar tenda, levar as cargas… Tempo de aprendizado. No deserto você não vê as grandes conquistas humanas, mas contempla a providência de Deus mais claramente, e assim, podemos Vê-lo face a face… O tempo no deserto pode ser marcado por um período de limitações, muitas vezes de escassez, mas não nos esqueçamos que é Deus quem nos conduz para o deserto para nos falar o que é importante com intimidade.
A nossa conquista não está no deserto, mas na restauração que vem depois do deserto. Por isso, o caminho para um novo tempo de alegria e felicidade passa pelo deserto. Nele aprendemos a viver com gratidão e humildade. Nele aprendemos a sermos verdadeiros.
Como fazer para vencer esse estado de espírito no qual Deus parece está longe e nos falta a fé?
1. Primeiro, verifique se a situação não é tibieza, ou seja, causada por nossa culpa em não perseverar no cuidado da vida espiritual. Mesmo diante destes momentos difíceis, devemos procurar saber o que está causando em nós esta aridez espiritual. Verificar se não há pecados graves na alma que possam estar afugentando a graça de Deus. Podem também ser provações que o Senhor coloca para nosso crescimento.
2. Decidir-se corrigir-se buscando a confissão, Eucaristia e oração.
3. Não medir o amor de Deus por nós pelas consolações que sentimos.
4. Silêncio, abandono e confiança são fundamentais. “Quanto mais a alma confiar, tanto mais receberá.” (Diário de Santa Faustina)O Esposo há de voltar logo… Em breve vai raiar a aurora e os fantasmas vão sumir. Quanto mais a noite fica escura, tanto mais perto nos aproximamos da aurora.
5. Não esqueça: Fé não é um sentimento nem sentimentalismo, mas adesão com a mente a Deus e às suas verdades e determinações. Não busque sentir fé ou devoção, mas viva-as. Vá à Missa, ao grupo de oração, ao terço com ou sem vontade, com ou sem gosto, com ou sem sentimento. Você terá mais méritos diante de Deus.
6. Se possível, busque o auxílio de um diretor espiritual.
7. Não é tão fácil dominar e disciplinar os sentidos interiores: vontade, inteligência, imaginação. Aliás, Santa Teresa chama esta – a imaginação – de “louca da casa” que, como tal, tem a força de levar-nos longe do que é essencial. Muitas vezes a alma está muito unida a Deus nas moradas mais elevadas, ao passo que a imaginação se encontra nos arrabaldes do castelo, padecendo com mil animais ferozes e peçonhentos e perecendo com esse padecer. Assim, nem a imaginação deve nos perturbar, nem devemos deixar a oração, que é o que deseja o demônio.” (4M 1,8-9). Busque o auxílio de um bom livro! “Eu não teria conseguido perseverar na oração nos dezoito anos em que acometeram tamanhos sofrimentos e aridez, visto não poder fazer oração discursiva, sem as leituras. Por todo esse tempo, eu não me atrevia a começar a orar sem livro, exceto quando acabava de comungar; minha alma temia tanto orar sem livro que era como se tivesse de enfrentar um exército.” (V 4,9). “É muito útil usar um bom livro, mesmo para recolher o pensamento e vir a rezar bem vocalmente; assim, vai-se acostumando pouco a pouco a alma, com carinhos e artifícios, para não amedrontá-la.” (C 26,10). Leia a Palavra de Deus.
8. Santidade não é um estágio ou um efeito mágico que deixa o fiel longe das realidades exteriores. Ela é forjada no campo de batalha, no suor e no sangue, sendo provados no fogo. Seja fiel a oração apesar dos tormentos,aridez e tentações. Deixe-se corrigir pelo Senhor.
Decidamo-nos por Deus a cada dia. Amor é decisão! Não deixemos de fazer nossa oração pessoal. Temos que lutar contra o desânimo, contra a frieza do nosso coração. Busquemos o Sacramento da Confissão para nos fortalecermos em Deus e assim possamos receber a Santa Eucaristia que é o alimento principal da nossa alma. É Ela quem nos dará forças para passarmos por este deserto. Acreditemos, Deus prova o nosso amor, mas ao final de tudo Ele estará a nossa espera com um prêmio redobrado! Avante! Não tenhamos medo, mesmo não sentindo Deus, Ele nunca nos abandona e caminha conosco.

Mir!

Bazar Solidário

Todos os anos por ocasião do advento a Comunidade Rainha da Paz, em vista de intensificar a vivência da penitência nesse tempo propício, conduz seus membros a viverem um despojamento através da renúncia e oferta de uma peça de roupa de seu guarda-roupa. Essas ofertas são colhidas e com todas elas é realizado um Bazar Solidário. Os fundos adquiridos são direcionados para as obras sociais e missionárias da Comunidade Rainha da Paz. Convidamos a todos a vivermos também esse tempo de graça preparando nosso coração para o Natal do Senhor através do despojamento e da caridade. Contribua com nosso bazar através de doações e também nos visitando e adquirindo algumas peças de roupa em nosso Bazar. Seja assim, um Benfeitor de nossas Obras Sociais e Missionárias!
O Bazar acontecerá na sede da Comunidade Rainha da Paz a partir das 19:00.

Cerco de Jericó

Caros Irmãos, a Capela de Adoração da Comunidade Católica Rainha da Paz está vivendo o Cerco de Jericó pelas eleições no Brasil!
Convidamos você, a unir-se a nós em oração pelas eleições do Brasil!
Nestes dias será interrompido, o silêncio da capela.
O Cerco de Jericó é a oração do Santo Rosário ininterrupta, em voz alta.
Convidamos São Miguel Arcanjo para estar conosco, neste combate espiritual.
O Cerco iniciou neste sábado, dia 29, dia dos Santos Arcanjos, e terminará domingo, dia 07 de outubro, dia das eleições, às 24h.
Por uma Providência Divina, esse dia, é dia de Nossa Senhora do Rosário!
Venha Estar Conosco!
Serão 7 dias ininterruptos, com a oração do Rosário pelas eleições do Brasil.
Entre um mistério e outro, os presentes devem rezar a oração a Nossa Senhora Aparecida e as orações recomendadas pelo Santo Padre o Papa Francisco, que estarão disponíveis na Capela de Adoração.
Una-se a nós!
Rezemos para que se cumpra a Vontade de Deus nestas eleições.

COMUNICADO DA SALA DE IMPRENSA DA SANTA SÉ, DE 29 DE SETEMBRO DE 2018

O Santo Padre decidiu convocar todos os fiéis, de todo o mundo, para rezar o Santo Rosário todos os dias, durante todo o mês Mariano de Outubro; e a unidos, assim, em comunhão e em penitência, como povo de Deus, pedir à Santa Mãe de Deus e à São Miguel Arcanjo para proteger a Igreja do diabo que sempre busca nos separar de Deus.
Nos últimos dias, antes de partir para os Países Bálticos, o Santo Padre recebeu o Pe. Fréderic Fornos, S.I., diretor internacional da Rede Mundial de Oração pelo Papa, e lhe pediu que espalhasse seu apelo para todo o mundo, convidando a todos a recitar o Santo Rosário concluindo com a antiga oração “Sub TuumPraesidium” (À vossa proteção) e com a oração à São Miguel, que nos protege e nos ajuda na luta contra o mal (cf. Ap 12,7-12).
A oração – disse o pontífice há poucos dias em uma homilia em Santa Marta, citando o livro de Jó – é a arma contra o grande acusador que “percorre o mundo procurando a quem acusar”.
Só a oração pode derrotá-lo.
Os místicos russos e os grandes Santos de todas as Tradições aconselharam, nos momentos de turbulência espiritual, de proteger-se sob o manto da Santa Mãe de Deus, pronunciando a invocação “À vossa proteção”.
A invocação “À vossa proteção” reza-se assim:
À vossa proteção recorremos, Santa Mãe de Deus, não desprezeis as nossas súplicas em nossas necessidades, mas livrai-nos sempre de todos os perigos, ó Virgem gloriosa e bendita!”
Com esse pedido de intercessão, o Santo Padre pede a todos os fiéis de todo o mundo a rezar, para que a Santa Mãe de Deus coloque a Igreja sob o seu manto protetor: para preservá-la dos ataques do maligno, o grande acusador, e fazer-nos, ao mesmo tempo, cada vez mais conscientes das falhas, erros e abusos, cometidos no presente e no passado, e nos fazer mais comprometidos a lutar, sem hesitação, para que o mal não prevaleça.
O Santo Padre pediu também que a recitação do Santo Rosário durante o mês de Outubro se conclua com a oração escrita por Leão XIII:
”São Miguel Arcanjo, defendei-nos no combate, contra as maldades e as ciladas do demônio; ordene-lhe Deus, instantemente o pedimos; e vós, príncipe da milícia celeste, pela virtude divina, precipitai no inferno a satanás e aos outros espíritos malignos, que andam pelo mundo para perder as almas. Assim seja”

Aniversário da Casa São Lucas

A Casa São Lucas, uma das Missões da Comunidade Católica Rainha da Paz na Cidade de Sobral-CE, estará completando no dia 18 de outubro 17 anos de Missão. Por esta ocasião convidamos a todos os membros da Obra Rainha da Paz, espalhados por suas diversas missões, também a todos os amigos e cada um ao qual chegar esse convite, a junto conosco celebrar esse dia tão especial para nós. A Missa em Ação de Graças acontecerá no dia 18 de outubro as 19 horas na Casa São Lucas. Sintam-se todos convidados.

Um dia com Jesus

O dia com Jesus é um dia de espiritualidade onde somos conduzidos a ter uma experiência mais íntima com o Senhor que nos chama todos os dias a estar com Ele. Um retiro onde vamos conhecer um pouco mais a esse Deus que nos ama e a tudo nos deu por amor.
Com momentos de oração, louvores, e formações que irão nos ajudar e nos revigorar na caminhada rumo ao Pai.
Venha participar conosco e ser alimentado com o Pão do céu e com a Palavra de Deus.
Toda a obra Rainha da Paz – missão Fortaleza lhe espera para estarmos juntos diante do Senhor provando de uma imensa alegria.

MAC

A Comunidade Catolica Rainha da Paz terá a honra de receber nos dias 14, 15 e 16 de setembro, próxima sexta feira, sábado e domingo, a ilustre visita de Dom Alberto Taveira Correia, arcebispo da Arquidiocese de Belém do Pará, a Sobral!

A Comunidade deseja partilhar com todos os membros de outras Novas Comunidades e pastorais de Sobral a imensa alegria de poder receber tão ilustre visita!

Dom Alberto além de Arcebispo de Belém, é o Assessor Internacional das Novas Comunidades.

Ele estará visitando a Comunidade Rainha da Paz e também ministrará formação no encontro MAC – Momento de Aprofundar o Carisma. Com o tema: O papel profético das Novas Comunidades nos dias de hoje – Santidade e Missionariedade.

O evento iniciará no Auditório da Comunidade Rainha da Paz, sexta feira, as 19h, e no Centro de Convenções, sábado, a partir das 16h.

Sintam-se todos convidados!

2° Congresso de Cura e Libertação em Forquilha-CE

O Congresso de Cura e Libertação que neste ano esta em sua segunda edição, acontecerá no Ginásio Polo Esportivo Real Madrid nos dias 31/Agosto e 01 e 02 de Setembro, com o tema “Eu vos batizei com a Água ,mas ele, porém vos batizará no Espirito Santo” três dias de muito fogo do Espírito Santo e muita unção, para toda família, Com o Pregador IRMÃO TROVÃO, fundador da comunidade católica Combatentes na Fé.

Adquira já a sua pulseira para os 3 dias do congresso:
Em Sobral na Lojinha da Comunidade
Em Forquilha na Loja Mega Casa Prado
Valor da Pulseira: R$ 15,00 reais
Realização: Comunidade Católica Rainha da Paz – Forquilha

PROGRAMAÇÃO:

Sexta-Feira: (dia 31/08)
19:30 – Terço
20:00 – Louvor
20:30 – Pregação Irmão Trovão

Sábado (dia 01/09)
15:00 – Terço
15:30 – Louvor
16:00 – Pregação Irmão Trovão
17:00 – Intervalo
17:30 – Louvor
18:00- Pregação Irmão Trovão
19:00 – Adoração
19:30- Missa

Domingo ( dia 02/09)
08:00 – Terço
08:30 – Louvor
09:00 – Pregação Irmão Trovão
10:00 – Intervalo
10:15 – pregação Irmão Trovão
11:30 – Adoração

Local do Evento:

Congresso das Famílias 2018 – Programação

O Congresso das Famílias, que em 2018 estará em sua 10ª edição, acontecerá no Centro de Convenções de Sobral, nos dias 17, 18 e 19 de agosto de 2018, com o tema “ O Evangelho da família, alegria para o mundo”.
Realizado desde 2007, este ano o Congresso contará com a presença de Elizabeth e Giana Arcolino que partilhará os frutos do milagre em sua vida que levou Santa Giana Bereta Mola aos altares e a presença de Alexandre Bastos fundador da Comunidade Católica Pequeno Rebanho do Rio de Janeiro.
Paralelo ao Congresso das Famílias, acontecerá também, o Congresso Kids, com momentos de formação, adoração, brincadeiras e momentos lúdicos para as crianças.
O Congresso das Famílias, organizado pela Comunidade Católica Rainha da Paz, já faz parte do calendário da Semana da Família na Diocese de Sobral, e espera este ano um público grande das famílias de Sobral-CE.

PROGRAMAÇÃO CONGRESSO DAS FAMÍLIAS

Sexta (17/08)

19:00 – Terço
19:30 – Louvor
20:15 – Formação – Alexandre Bastos

Sábado (18/08)

14:00 – Terço
14:30 – Louvor
15:00 – Formação – Alexandre Bastos
16:00 – Intervalo
16:30 – Formação – Elizabeth
17:30 – Missa

Domingo (19/08)

08:00 – Terço
08:30 – Louvor
9:00 – Formação – Alexandre Bastos
10:00 – Intervalo
10:30 – Formação – Alexandre Bastos
11:30 – Adoração e efusão
12:30 – Encerramento

As inscrições já estão disponíveis na lojinha da Comunidade e o valor da Inscrição será de R$ 15,00 reais, onde na compra de mais de 3 pulseiras, a 4° pulseira sairá por R$ 10,00 reais. Crianças com menos de 12 anos não precisa fazer inscrição.

Maiores Informações:
Comunidade Católica Rainha da Paz – Sobral-CE