Arquivar setembro 2017

MENSAGEM DE NOSSA SENHORA RAINHA DA PAZ DE MEDJUGORJE EM 25 DE SETEMBRO DE 2017

Queridos filhos! EU estou chamando vocês para serem generosos na renúncia, no jejum e na oração por todos aqueles que estão em tentação e que são seus irmãos e irmãs. De um modo especial, EU estou implorando a vocês para rezarem pelos sacerdotes e por todos os consagrados, que eles possam amar JESUS ainda mais fervorosamente, que o ESPÍRITO SANTO possa preencher seus corações com alegria, que eles possam testemunhar o Céu e os mistérios celestiais. Muitas almas estão em pecado porque não há aqueles que se sacrificam e rezam pela sua conversão. EU estou com vocês e estou rezando para que seus corações possam ser preenchidos com alegria. Obrigada por terem respondido ao MEU Chamado.

Testemunho de Emanuelle Prado

“Senhor Te encontrei, como Te deixarei? Selaste minha alma, tocaste com a tua paz meu coração e agora anseio por ti.” Começo o meu testemunho com um trecho de uma música que resume minha experiência com o Amor de Deus, depois que entrei na comunidade. Eu tinha muitas amigas, sempre fui rodeada de amigos e amigas, mas ainda me sentia só, existia um vazio em mim, que eu achava que era feliz durante o dia, mas a noite me batia a solidão, a tristeza. Minha família sempre foi unida, cresci na comunidade pois meu pai é consagrado há muitos anos, porém eu não era muito engajada, e aparentemente eu não havia motivos pra chorar, nem ficar triste, mas algo me inquietava, algo no meu coração ainda era vazio e me fazia se sentir incompleta e eu não sabia o que era. Rezava em casa, ia à missa todo domingo, e sempre pedia pra Deus me preencher, participava de grupos de oração mas não me entregava totalmente em oração, eu ia e só observava os outros rezando. Foi quando em um dia em um retiro do meu grupo de oração senti fortemente o Amor de Deus, senti algo tão grande que meus olhos choravam, meu coração pulsava forte e comecei a rezar, agradecendo a Deus por estar sentindo uma paz, por sentir tão grande Amor que transbordava em meus olhos, e me faziam enxergar aquilo que me faltava, aquilo em que eu tanto procurava e não encontrava. Hoje me sinto imensamente feliz, tive uma experiência tão grande com o Amor de Deus que o grupo de oração já não me bastava, Deus me enchia de sede de estar com Ele, e hoje graças a Deus sou pré- discípula I da comunidade Rainha da Paz e aqui eu encontrei minha alegria, minha felicidade, amigos verdadeiros e minha família que já era unida, hoje nos encontramos todos juntos servindo na comunidade e eis aí minha maior alegria e gratidão a Deus, é dizer que ” Eu e minha casa servimos ao Senhor”.
Emanuelle Prado -Discípula da Comunidade Católica Rainha da Paz